Que neste Natal abramos o interior à Sua Presença e assim o Amor se dilate… Pouco a pouco… suavemente…

Um Santo e Feliz Natal!

João Rego